img-feed img-feed-email

MEU CARNAVAL E O PRECONCEITO DOS OUTROS



É impressionante a ignorância e preconceito das pessoas em relação a carnaval. É impressionante o quanto os veiculos de massa destroem nossa cultura com a permissão de todos. E ainda, é impressionante numa comunidade que se vive, onde existe uma maioria evangelica, se desdém tanto o carnaval de forma massacrante e repulsiva

Ex. de um comentário de um ser no meu twitter.:
" Desculpa, entendi mal. è que carnaval pra mim, com exceção, dos desfiles nas avenidas, representa promiscuidade, sexo e drogas! " 

Nunca leu um Tinhorão, não sabe nada de história e cultura do carnaval do Rio de Janeiro, e pelo visto nunca se interessou. E com certeza nunca brincou um carnaval no rio.

Cresci com carnaval. Meus primos que estão na faixa dos 60 hoje, sempre desfilaram, e ainda tinha um primo meu que sempre me dava a fantasia do Cacique de Ramos todo ano.
Lembro de minha mãe costurando as fantasias para a gente. Brinquei muito embaixo do Cordão do Bola Preta com os olhos atentos de minha mãe e meu pai. Saí de tudo um pouco, melindrosa, havaiana, baiana, enfim... minha mãe tinha uma inspiração maravilhosa a cada ano. 
Para mim, o que minha mãe fazia era lindo e eu e meus irmãos ficávamos felizes. Essa gente que hoje tem essa postura preconceituosa diante do carnaval, jamais teve uma mãe atrás de uma máquina de costura fazendo sua fantasia e você curtindo cada alinhavo e medida tirada para que você fosse especial. 
Essas pessoas jamais estiveram diante de um desfile de Rancho na Av. Rio Branco. Essas pessoas são aquelas que ficam atrás de uma TV acreditando em tudo que lhes é passado, e que de certo modo, de forma hedionda.
Pessoas que jamais saberão o que é liberar sua fantasia, jamais saberão o que é ser feliz atrás de um trio elétrico, porque não tem a menor capacidade de entender a coisa mais simples da vida: VIVER. Porque o preconceito vem antes de tudo e sua ignorância não permite enxergar. Eu só lamento e continuo vivendo feliz desse meu jeito carnavalesco ou não, sem me importar com essas pessoas que espero que um dia, VEJAM e SINTAM essas pequenas coisas.


Share/Save/Bookmark

/
 
▲ TOPO ▲
© 2009 | Anjo Vadio em Búzios | Modificado por Marcia Bispo